Museu Roberto Lee em Caçapava (SP)

Fechado há 20 anos, o museu funcionou desde então apenas para receber eventos pontuais – o último ocorreu em 2013.
Com a revitalização, o espaço ganhou uma nova identidade e uma exposição permanente – o “Museu Paulista de Antiguidades Mecânicas e suas Memórias ”, que conta com 40 veículos antigos e históricos e mais de 150 peças, entre as quais estão motores, quadros, suvinis, documentos e objetos da indústria automobilística de várias épocas. O Museu Paulista de Antiguidades Mecânicas foi fundado em São Paulo, em 1963, a partir do acervo particular do empresário Roberto Eduardo Lee. Em seu auge na década de 1970, o museu chegou a manter uma coleção com mais de 150 veículos, exibindo raros exemplares do automobilismo mundial. Essa foi considerada a primeira iniciativa do gênero na América Latina.

Em 1965, o acervo foi transferido para a propriedade do empresário, a Fazenda Esperança, em Caçapava, onde permaneceu aberto até 1993. A coleção de veículos e acessórios do museu foi tombada pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico (Condephaat), órgão subordinado à Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo, em 1982.

Facebook Comments